Covid-19: Após 30 dias sem registro de óbito, município de Euclides da Cunha confirma mais um caso

Nesse período pandêmico, o maior intervalo sem morte pela doença foi de 101 dias, ocorrido em 2020.

Após 30 dias sem registro de óbito em decorrência do novo coronavírus (Covid-19), o município de Euclides da Cunha volta a confirma mais um caso e total vai a 47. O 46º óbito foi registrado no dia 08 de julho de 2021. Esse intervalo sem morte por Covid-19 é o segundo maior do ano; o maior período foi de 36 dias, ocorrido entre os meses de janeiro de fevereiro.

Nesse período pandêmico, o maior intervalo sem morte pela doença chinesa foi de 101 dias, decorridos entre 07 de agosto de 2020 e 16 de novembro de 2020 – coincidentemente, o período eleitoral.

Entre os municípios circunvizinhos, Euclides da Cunha é o terceiro com maior quantidade de casos confirmados por Covid-19, com quase 4 mil. Ribeira do Pombal é o município afetado com mais de 5 mil, seguido por Tucano, que tem mais de 4.700.

Em número de óbitos, Euclides da Cunha é o quinto, atrás de municípios como Monte Santo (48), Uauá (48), Tucano (54) e Ribeira do Pombal (72).

Desde o início da pandemia, o site euclidesdacunha.com analisa dados de onze municípios circunvizinhos, como Banzaê, Canudos, Cícero Dantas, Euclides da Cunha, Jeremoabo, Monte Santo, Novo Triunfo, Quijingue, Ribeira do Pombal, Tucano e Uauá. Conforme já citamos em outras ocasiões, o vírus chinês tem comportamento bem distinto na região, principalmente quando a análise dos dados sai do campo absoluto para o relativo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *