Índia Kaimbé é a primeira indígena a ser vacinada contra a Covid-19

Vanusa Kaimbé, índia da tribo Kaimbé, que possui laços familiares aqui na aldeia do Massacará, município de Euclides da Cunha, é a primeira indígena a ser vacinada no Brasil contra o novo coronavírus (Covid-19). A vacinação ocorreu neste domingo, 15, dia em que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) aprovou duas vacinas para uso emergencial no Brasil.

Vanusa Kaimbé tem 50 anos de idade, é técnica de enfermagem e assistente social, presidente do conselho dos indígenas kaimbé do estado de São Paulo. Ela vive na “aldeia Kaimbé filhos da terra”, em Guarulhos.

“Essa com certeza, é uma alegria muito grande para nós euclidenses. E com fé em Deus, em breve, estaremos iniciando uma grande campanha de vacinação em nossa cidade”, escreveu o prefeito Luciano Pinheiro (PDT) em sua página no Facebook, na Internet.

“Eu vim aqui hoje representar a população indígena e falar a importância da vacina. A vacina salva vidas. Fui a primeira indígena a ser vacinada e recomendo para todos os meus parentes”, incentivou Vanusa Kaimbé.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *