Milho tratado com veneno é descartado em plena via pública

Fotos: José Dilson Pinheiro - euclidesdacunha.com

Na manhã desta quinta-feira (07), chegou à redação do site euclidesdacunha.com, a informação que no Parque Antônio Baptista de Carvalho, em um terreno localizado entre a Rua D. Pedro II e Av. Apromiano Campos havia sido descartado várias embalagens de 20kg, contendo semente de milho especial para plantio, além de tentativa de incinerar o produto que, por passar por um processo químico (veneno) de proteção contra-ataque de pássaros, formiga e animais roedores que arrancam a planta, ainda pequena, após dar-se a germinação, provocando fumaça tóxica que causou perturbação aos moradores da área.

 
O Site euclidesdacunha.com foi até o local e constatou a veracidade da informação, como mostram as fotografias feitas no local, além de embalagens de remédios, provavelmente com data de fabricação vencida e descartados em local inapropriado, caracterizando crime ambiental.
 
Na embalagem, visivelmente atacada por gorgulhos, a advertência de se tratar de "produto impróprio para o consumo humano e de animais domésticos".
A quantidade que se encontra espalhada é razoável e o risco de prejuízo à saúde pública é iminente.
 
Autoridades responsáveis devem adotar providências imediatas para remoção dos produtos, identificar o proprietário e o responsável pelo descarte em meio a residências. 
*Provavelmente, o produto químico Cruiser 350 FS, (venenoso) deve ser o Cruiser 350 FS, usado nas sementes com o intuito de prevenir o controle de doenças e pragas subterrâneas e iniciais da cultura.  

Publicado em: http://www.euclidesdacunha.comnews/print/id/2803